domingo, 6 de abril de 2014

1383-Fantasmas e Assombrações


Pareidolia

Chama-se pareidolia ver como assombrações ou fantasmas o que, de fato, não é assombração nem fantasmas. Poder-se-ia dizer miragem, engano visual ou coisa assim.

A pareidolia é um fenômeno psicológico que envolve um estímulo vago e aleatório, geralmente uma imagem ou som, sendo percebido como algo distinto e com significado assustador. É comum ver imagens que parecem ter significado em nuvens, montanhas, solos rochosos, florestas, líquidos, janelas embaçadas e outros tantos objetos e lugares.

Ela também acontece com sons, sendo comum em músicas tocadas ao contrário, como se dissessem algo. A palavra pareidolia vem do grego em que “para” quer dizer junto de ou ao lado de, e “eidolon” quer dizer imagem, figura ou forma.

Pareidolia é um tipo de apofenia, em que há uma troca em algo que mesmo alterado continua a ser compreendido como tal.

Em situações simples e ordinárias, este fenômeno fornece explicações para muitas ilusões criadas pelo cérebro, por exemplo, miragens, discos voadores, monstros, fantasmas, mensagens gravadas ao contrário em músicas entre outros.

O fenômeno psíquico, diante de uma figura com dados aleatórios, pode variar segundo o ângulo do observador.

Para uma criança, por exemplo, uma figura notada talvez possua formas que tragam à lembrança animais de estimação, personagens de desenhos animados ou qualquer outra coisa condizente com a faixa etária de compreensão sobre coisas.

Para uma pessoa com uma faixa etária superior, a mesma figura assume formas diferentes conforme a capacidade criativa de associação de formas.

Em situações simples e ordinárias, este fenômeno fornece explicações para muitas ilusões criadas pelo cérebro, por exemplo, discos voadores, monstros, fantasmas, mensagens gravadas ao contrário em músicas entre outros.

O fenômeno psíquico, diante de uma figura com dados aleatórios, pode variar segundo o ângulo do observador.

Dependendo das figuras observadas, podem assumir um aspecto muito subjetivo que varia de observador para observador ao passo que outras mais claramente nítidas, possuem uma mesma interpretação ótica em comum entre vários observadores.

Portanto, muito tem que ver com a condição psicológica de cada observador, do que se passa em sua mente.

Uma foto foi tirada em Marte, em que ela é um exemplo de pareidolia. Onde claramente parece indicar algum tipo de presença ou indicação de um crânio ou um rosto, na verdade, é somente uma ilusão de luz e sombra gerada no instante em que a fotografia foi obtida.

O fato é que nossa mente não lê, vê e associa o que vê com o que ela tem guardado em seus arquivos. Também, por curiosidade quer sempre ver coisas extraordinárias acontecendo. E dependendo do ambiente em que estamos, o medo vira nossa principal fonte de sentimento. E o resto, nosso próprio cérebro é quem faz.

Quer dizer então que não existem assombrações? Que fantasmas são apenas um tipo de pareidolia? O que você acha?

Continuamos na próxima postagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário