domingo, 3 de agosto de 2014

1502-A Era de Luz já iniciou


Introdução

Grandes hélices com milhões de quilômetros de extensão girando no espaço. Assim demonstram ser os galhos de uma galáxia como a Via Láctea.

Existirão muitas outras, mas a nossa capacidade de registrá-las ainda é fraca. No interior desses galhos de uma galáxia, sistemas dentro de sistemas, aonde se pode incluir o nosso Sistema Solar, chamado de ORS na nomenclatura dos cientistas das estrelas. Os sistemas, uns fazendo parte de outros e tudo girando, girando, girando em velocidades que a nossa compreensão nem consegue admitir. Não fosse a gravidade que nos mantém colados sobre a face de nosso planeta nós sairíamos ejetados daqui como poeira em direção ao vazio cósmico, quem sabe até a primeira colisão e por aí a fora.

Temos muito pouco tempo de registros, quem sabe sete mil anos diretos e mais um tanto através das investigações arqueoógicas e palenteológicas. O que são quatorze mil anos dentro de um Universo que se presume existir a 3,5 milhões de anos? Convenhamos: é nada.

Mas, já se sabe que num tempo de 10 mil anos ou 12 mil, este planeta pôde contar com avanços extraordinários que até os escritos sagrados, que não podem ser levados muito sério, deixam escapar coisas e mais coisas. O que seria o carro de fogo que levou daqui o profeta Elias? Qual foi a ciência que fez as pirâmides do Egito? Com todos os avanços da ciência, hoje aquela obra não seria feita.

Então dá para acreditar que mentes muitos especiais estiveram por aqui, viveram aqui, atuaram aqui num tempo passado que Homero retrata em suas obras e que são levadas à categoria de lenda. A Bíblia também é levada à categoria de lenda. Mas, é interessante: há dois mil e quinhentos anos alguém preferiu pela primeira vez a palavra átomo. Eram apenas filósofos, mas já viem o Universo composto de minúsculas partículas de energia, a que deram o nome de átomo: Leucipo e Demócrito. Depois, ninguém mais levou a sério aquilo e só em 1803 começamos a esgravatar para recuperar aquela esquecida teoria. Viemos de uma Era de Luz. Estamos de volta numa Era de Luz.

Ao se anunciar a Era de Aquário, coicidindo com ela ou não (isso não importa tanto) o Sistema Solar e, de carona a Terra, penetram no cinturão de fótons de Alcione e passam a receber emanações vibratórias que alteram a velocidade de tudo, inclusive do pensar humano. E isso faz uma diferença enorme para a evolução da humanidade deste tempo. Vou mais longe: cria condições para reencarnações de espíritos de mais elevada hierarquia.

É o que pretende explorar esta série. Ocupe seu lugar nesta viagem...

Nenhum comentário:

Postar um comentário