quinta-feira, 20 de novembro de 2014

1609-As profecias e o Brasil


Há outra profecia para cumprir-se em 2019

Esta outra profecia muito menos gente conhece. E vem do além túmulo mesmo daqueles que receberam e anotaram.

Uma profecia dita em 1986 a Geraldo Lemos Neto, o Geraldinho, por Chico Xavier, revela a este que o mundo acabará em 2019. Geraldinho guarda um segredo desses, a pedido de Chico por 25 anos e sente um “dever de consciência” juntamente com Marlene Nobre (da AME Brasil), decide transformar a “profecia” numa entrevista, publicada na Revista FOLHA ESPÍRITA de maio de 2011, da qual selecionamos alguns trechos mais significativos.

Havia em 2011 a celeuma de que 2012 marcava o fim do mundo, segundo os Maia. E o fim, para os Maia, significava matar o costume velho para que pudesse nascer o costume novo. Nesse mesmo ano de 2011 foi publicado o livro “NÃO SERÁ EM 2012”, que possui na capa a foto de ninguém menos que Chico Xavier e a inscrição “Chico Xavier revela a data-limite do Velho Mundo". Essa data é 2019.

Então vamos aos fatos.

Geraldino, em entrevista a Alex Sandro Guimarães, diz no blog deste, que: “Neste livro sou o coautor, porque na realidade a autoria é da Dra. Marlene Nobre (presidente da Associação Médica Espírita do Brasil). A minha parte diz respeito à entrevista que dei à Folha Espírita em que revelo o teor da conversa que mantive com Chico Xavier numa noite de 1986, na qual o amado amigo me revelou detalhes sobre as decisões do Cristo e de sua falange angelical a respeito do futuro da humanidade terrestre. Desde há muito tempo conversávamos com Marlene Nobre e outros amigos sobre o que Chico havia me revelado até que, no final do ano de seu centenário em 2010, chegamos à conclusão de que a hora para revelar ao público o seu conteúdo havia chegado. Tanto Marlene Nobre quanto eu mesmo sentimos a urgência em nos desincumbir deste compromisso de consciência. Assim nossa estimada Marlene passou a publicar vários artigos na Folha Espírita neste ano de 2011 incluindo no mês de maio a entrevista que lhe dei. Logo após consolidou-se na Folha Espírita estas informações transformadas então no livro “NÃO SERÁ 2012” e no DVD correspondente que gravamos para a TV Aberta de São Paulo.

Estamos, na verdade, lidando com um grande chamado pessoal e coletivo à nossa própria responsabilidade de viver estes tempos de transição.

Em parte se entende que alguém vem na esteira do Chico Xavier procurando ocupar a cena na lacuna deixada por ele.

Há, porém uma imensa responsabilidade de parte das pessoas que se candidatam a suceder, ao menos em parte, a obra Chico Xavier. Se nada der certo, o que haverá? Há uma legião de pessoas que acreditam em Chico Xavier, em Nosso Lar, em Umbral e chegam até mesmo a incensá-lo. Se nada ou pouco do que foi predito por Chico para 2019 ocorrer, restará duas saídas para os adoradores de Chico: - reconhecer que ele errou ou não foi ele quem disse aquilo e sim Geraldinho; - usarão a desculpa de que a espiritualidade resolveu dar mais uma moratória para a Terra (surgirá outra psicografia por algum médium amigo do Chico dizendo isso).

Enfim o que diz a profecia Emmanuel ditada a Chico Xavier?

É o tema da próxima postagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário